4 Dicas Para Aumentar o Rendimento de Seus Investimentos em 2021

Embora pareça difícil, siga algumas dicas práticas que, ao começarem a ser executadas, você verá que não são tão complexas assim.

4 Dicas Para Aumentar o Rendimento de Seus Investimentos em 2021
Por: Alison Pitangueira em 17/01/2021

Aumentar a rentabilidade dos seus investimentos pode parecer algo complicado ou que exige muito trabalho e acompanhamento diário de notícias e movimentos do mercado financeiro. Você também pensa desta maneira, não é verdade?

Saiba, no entanto, que isso está longe de ser verdade! Com algumas ações é, sim, possível ganhar mais com seus investimentos e, ainda por cima, sem que você precise perder muito tempo com eles.

Veja, na sequência, com a gente, quatro dicas bem simples que, se bem executadas, você verá que aumentar suas finanças e cuidar bem do seu dinheiro não é assim tão difícil, quanto parece! Siga na leitura conosco e bons fluidos no novo ano que está para chegar!

1- Pare de Ir na “Onda Do Momento”

Sempre vai existir um investimento da moda, a chamada “onda do momento”, uma ação que vai bombar. Redobre sua atenção com isso!

A gente já viu, por aí, pessoas vendendo casa, carro, raspando toda a conta bancária, uma vez que acreditavam que estavam diante da maior oportunidade de suas vidas nos investimentos e acabaram se dando mal.

Se você é uma dessas pessoas, que fica seguindo o conselho dos outros cegamente, sem entender, de fato, o que está sendo dito ou sugerido, é bem possível que você também acabe desta maneira: sem investimento, sem dinheiro e com um belo prejuízo!

Para evitar esta situação, estude e entenda como os investimentos funcionam.

Veja aqui as 7 opções de investimentos melhores que a poupança;

2 – Não Pense Apenas na Rentabilidade

Outra dica importante é: investimento se escolhe primeiro pelo objetivo que você quer para o seu dinheiro e não pela rentabilidade nominal. Se você fizer isso, consequentemente, pode acreditar, vai ganhar mais com o seu dinheiro.

Por exemplo: ações são péssimas em curto prazo. Um dia você tem R$ 100 investidos, no próximo dia está com R$ 110 e no outro, já está com R$ 80.

Por sua vez, no longo prazo, boas ações tendem a ter uma rentabilidade positiva. Hoje você tem R$ 100, daqui dois anos terá R$ 120, daqui cinco anos, terá R$ 160, e assim por diante.

Na renda fixa, isso fica ainda muito mais previsível. Dependendo do investimento realizado, hoje você tem R$ 100, daqui um mês tem R$ 101, em um ano, terá R$ 110. O seu retorno é muito mais previsível, porém, vale ressaltar, que é também menor.

3 – Investimentos Não São Binários

Um ou dois, sim ou não, oito ou oitenta. Isso serve para nosso dia a dia, porém para os investimentos as coisas vão muito além.

O que manda aqui é o “depende”. Depende do seu conhecimento, de sua experiência, do seu momento de vida, de quanto você pode correr riscos, dentre muitas outras variáveis.

Você sempre vai encontrar opiniões diferentes e distintas em relação aos investimentos. Algumas vezes elas são complementares, outras concordam em algo e há até as que são totalmente divergentes.

Isso é uma coisa totalmente normal, visto que, se investir fosse algo tão simples e previsível assim, qualquer pessoa saberia muito bem o que fazer e ficaria rica apenas investindo, não é mesmo?

Dessa forma, vá atrás de várias opiniões, escute pessoas diferentes, conheça métodos e estratégias diversas, e somente assim você saberá qual se encaixa melhor com seu pensamento e sua vida.

Não tem problema nenhum hoje você pensar de uma maneira e depois de algum tempo mudar.

O importante é que você escolha algo que faça sentido tão somente para você. Definitivamente, não fique preso a uma só ideia!

4 – Aprenda a Diversificar Sua Carteira Desde o Começo

É muito comum as pessoas se prenderem a um só investimento ou a investimentos muito parecidos, quando começam a investir, e focar apenas neles.

O grande problema de fazer isso é que você se expõe muito a risco, deixa de aumentar sua rentabilidade e, em alguns casos, chega a perder dinheiro.

Quando a renda fixa diminui a rentabilidade, é comum as ações subirem. O contrário também acontece, pois quando a renda fixa aumenta a rentabilidade, a Bolsa de Valores tende a cair.

Por isso, quando você está posicionado nesses dois investimentos a chance de perder dinheiro diminui e seu potencial de ganho, por consequência, aumenta.

E então, qual dessas atitudes você já está praticando em seus investimentos? Qual (ou quais) pretende iniciar já no próximo ano, que já bate à porta?

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*