Calendário 2021: Bolsa Família, PIS/Pasep, FGTS e Auxílio Emergencial

Por: Da Redação em 09/02/2021
Calendário 2021: Bolsa Família, PIS/Pasep, FGTS e Auxílio Emergencial

O Governo Federal detalhou todo o calendário de pagamentos de seus programas sociais e do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para 2021. Ou seja, trabalhadores e beneficiários de programas sociais federais precisam ficar de olho nos cronogramas dos benefícios para este ano.

Entre eles estão o abono salarial (mais conhecido como PIS/Pasep), o Bolsa Família, o saque-aniversário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e até mesmo o Auxílio Emergencial, que terá parcelas pagas em 2021, isso se não for ampliado devido à crise da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), que ainda assola o país.

Cada um deles terá um calendário específico contendo todas as datas de pagamento e, em alguns casos, quando poderá ser sacado. Todos os benefícios serão pagos através da poupança social digital da Caixa Econômica Federal, através do aplicativo Caixa Tem. Abaixo vamos detalhar cada um deles e explicar melhor como você poderá sacá-lo. Confira conosco.

Calendário Auxílio Emergencial 2021

Sim, isso mesmo, o Auxílio Emergencial ainda é pago em 2021, mas isso em referência ao ano de 2020. Porém, em recente entrevista coletiva, o ministro da Economia, Paulo Guedes admitiu a possibilidade de o governo federal adotar novas medidas de estímulo, como a prorrogação do benefício. Elas viriam diante do agravamento da situação da Covid-19 no Brasil no início deste ano.

Durante a conversa na abertura do evento “Latin America Investment Conference 2021: A New Decade, a New World”, Paulo Guedes estava ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e afirmou que o Auxílio Emergencial pode voltar, caso o número de mortes pelo novo coronavírus siga crescendo no país. Segundo ele, ainda será preciso avaliar o caso, mas o retorno não está descartado.

Se a pandemia faz a segunda onda, com mais de 1,5 mil, 1,6 mil, 1,3 mil mortes, saberemos agir com o mesmo tom decisivo, mas temos que observar se é o caso ou não. Mas, não é só pegar o dinheiro e sair correndo. Tem que fazer todo o sacrifício” [Paulo Guedes | Ministro da Economia]

Enquanto o governo ainda estuda a viabilidade da continuação do benefício em 2021, devido ao avanço da pandemia do novo coronavírus no Brasil, a Caixa Econômica Federal continuará depositando no aplicativo Caixa Tem algumas parcelas remanescentes de 2020.

Calendário PIS/Pasep 2021

Calendário abono salarial PIS 2021

  • Nascidos em janeiro recebem em 19 de janeiro de 2021;
  • Nascidos em fevereiro recebem em 19 de janeiro de 2021;
  • Nascidos em março recebem em 11 de fevereiro de 2021;
  • Nascidos em abril recebem em 11 de fevereiro de 2021;
  • Nascidos em maio recebem em 17 de março de 2021;
  • Nascidos em junho recebem em 17 de março de 2021.

Calendário abono salarial Pasep 2021

  • Servidores públicos com NIS final 5 recebem em 19 de janeiro de 2021;
  • Servidores públicos com NIS final 6 e 7 recebem em 11 de fevereiro de 2021;
  • Servidores públicos com NIS final 8 e 9 recebem em 17 de março de 2021.

O que é o abono salarial?

O abono salarial é pago para quem trabalhou formalmente ao menos 30 dias em 2020, com salário médio de até dois salários mínimos. Além disso, o trabalhador precisa estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos.

O que é o saque-aniversário?

O saque-aniversário garante anualmente ao trabalhador o acesso a parte do saldo do FGTS. Os repasses são entre 5% e 50% do valor total disponível no Fundo. Em alguns casos, também é acrescida parcela adicional, que pode chegar a R$ 2.900,00. Vale lembrar que o saque-aniversário não é obrigatório. Portanto, só terão direito aos benefícios aqueles que aderirem à modalidade.

Calendário do saque-aniversário do FGTS em 2021

  • Nascidos em janeiro: saques de janeiro a março
  • Nascidos em fevereiro: saques de fevereiro a abril
  • Nascidos em março: saques de março a maio
  • Nascidos em abril: saques de abril a junho
  • Nascidos em maio: saques de maio a julho
  • Nascidos em junho: saques de junho a agosto
  • Nascidos em julho: saques de julho a setembro
  • Nascidos em agosto: saques de agosto a outubro
  • Nascidos em setembro: saques de setembro a novembro
  • Nascidos em outubro: saques de outubro a dezembro
  • Nascidos em novembro: saques de novembro de 2021 a janeiro de 2022
  • Nascidos em dezembro: saques de dezembro de 2021 a fevereiro de 2022

Calendário Bolsa Família 2021

O governo detalhou todas as datas de recebimento do Bolsa Família em 2021. Você receberá de acordo com o dígito final do seu NIS. Veja abaixo, o calendário por mês:

  • Em janeiro de 2021, o Bolsa Família será pago entre o dia 18 e o dia 29.
  • Em fevereiro de 2021, o Bolsa Família será pago entre o dia 11 e o dia 26.
  • Em março de 2021, o Bolsa Família será pago entre o dia 18 e o dia 31.
  • Em abril de 2021, o Bolsa Família será pago entre o dia 16 e o dia 30.
  • Em maio de 2021, o Bolsa Família será pago entre o dia 18 e o dia 23.
  • Em julho de 2021, o Bolsa Família será pago entre o dia 18 e o dia 30.
  • Em julho de 2021, o Bolsa Família será pago entre o dia 19 e o dia 30.
  • Em agosto de 2021, o Bolsa Família será pago entre o dia 18 e o dia 31.
  • Em setembro de 2021, o Bolsa Família será pago entre o dia 17 e o dia 30.
  • Em outubro de 2021, o Bolsa Família será pago entre o dia 18 e o dia 29.
  • Em novembro de 2021, o Bolsa Família será pago entre o dia 17 e o dia 30.
  • Em dezembro de 2021, o Bolsa Família será pago entre o dia 10 e o dia 23.

Como se inscrever no Bolsa Família

Quem deseja se cadastrar no Bolsa Família deverá procurar o responsável pelo cadastramento de seu município, uma vez que o cadastramento do programa de renda básica é feito na esfera municipal, que depois é compartilhado com o Governo Federal. Normalmente, essa questão é resolvida pelos Centros de Referência da Assistência Social (Cras).

Porém, a inscrição não garante a entrada no Bolsa Família. Além de analisar se a família se adequa às condições necessárias para cadastramento no programa, o sistema leva em conta a quantidade de famílias atendidas no município e o limite orçamentário destinado ao Bolsa Família.

Onde receberei o dinheiro?
O dinheiro de todos os programas federais será depositado em uma Conta Poupança Social Digital aberta gratuitamente para cada trabalhador, que poderá movimentá-la pelo aplicativo Caixa Tem, disponível para celulares Android e iPhone (iOS).

Através do app Caixa Tem, o trabalhador poderá usar o dinheiro para fazer o pagamento de contas e boletos ou utilizar o cartão de débito virtual para fazer compras online em supermercados, farmácias e outros estabelecimentos. Saques em espécie e transferências para outros bancos serão disponibilizados posteriormente, ainda sem data definida.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

*