15 dicas para escolher o melhor cartão de crédito PJ

Se você é pessoa jurídica, MEI e precisa controlar melhor os seus gastos, além de manter a organização das finanças, saiba como escolher o melhor cartão de crédito para sua situação

Por: Pamela Gaudio em 31/07/2021
homem empresário com um cartão de crédito para pessoa jurídica na mão em frente ao laptop e com o celular na outra mão

Ter o seu próprio negócio pode ser muito gratificante. No entanto, com ele, muitas responsabilidades chegam, principalmente no quesito financeiro. Controlar o fluxo de gastos, entrada e saída, pagamentos e investimentos não é uma tarefa fácil. Muitas pessoas jurídicas possuem um cartão de crédito específico para lidar com essas questões.

Isso porque, apesar das semelhanças do cartão PJ com um cartão comum, ainda assim existem alguns diferenciais que fazem esse tipo de cartão ser mais indicado para quem possui uma empresa, seja ela grande ou pequena. Se você possui um negócio há algum tempo, ou acabou de abrir a sua empresa, ter um cartão de crédito pode ser essencial. Mas como escolher o melhor cartão de crédito PJ?

Separamos algumas dicas que podem te ajudar a fazer a melhor escolha, levando em consideração também o seu tipo de negócio, a frequência de gastos e a forma como você lida com o dinheiro da sua empresa. 

1 – Tarifas zeradas

Na hora de escolher o cartão corporativo, pode ser interessante dar prioridade para aqueles que possuem anuidade gratuita. Em contrapartida, também é preciso analisar os benefícios, para ver se compensa não pagar anuidade. Porém, existem opções que oferecem vantagens para o PJ, além de não cobrarem a mensalidade do cartão. 

2 – Controle de gastos

Lidar com as finanças de uma empresa não é tarefa fácil, ainda mais quando lidamos com cartão de crédito. Por essa razão, o cartão de crédito voltado para o PJ precisa ter um app que te ajude na hora de realizar o controle de gastos. Com tudo digital, fica mais fácil saber onde você gastou e qual é a hora de parar. 

3 – Taxas de juros

Todo cartão possui taxa de juros, mas nem sempre são todas iguais. Por isso, na hora de escolher, é preciso pesar os prós e os contras, não só de benefícios, mas também das taxas que estão embutidas. Além disso, um cartão com anuidade zero deve ser mais interessante do que pagar altos valores mensais só para ter o cartão. 

4 – Atendimento

A vida da pessoa jurídica também é bastante corrida ao lidar com o gerenciamento do seu negócio. Por isso, sempre que tiver algum problema com o seu cartão de crédito, é preciso escolher aquele que possui boa referência de atendimento no mercado, que irá resolver os seus problemas da melhor forma possível e de maneira rápida. A última coisa que você quer é ter problema com o atendimento do cartão de crédito. 

5 – Benefícios para PJ

Assim como para pessoa física, a pessoa jurídica também conta com benefícios no cartão de crédito. Além dos programas de pontos, você também pode encontrar benefícios em viagens, além de facilidade de pagamento e também no fluxo de caixa. O cartão PJ precisa ter benefícios voltados para o seu negócio, caso contrário, é só mais um cartão de crédito comum. 

6 – Limite considerável

Os gastos com uma empresa são importantes, pois são investimentos que você faz para melhorar a sua empresa. O cartão de crédito pode te ajudar nisso, mas ele precisa ter um bom limite. Para saber qual limite é ideal para você, basta fazer alguns cálculos sobre quanto pretende gastar no cartão de crédito corporativo e pegar um limite um pouco acima, só para garantir. Mas cuidado. Também não adianta ter um limite exorbitante e extrapolar nas compras de forma desnecessária. 

7 – Bandeira

Um item básico, mas que pode fazer a diferença. A bandeira do cartão de crédito PJ precisa ser amplamente aceita em diversos estabelecimentos. Além disso, as bandeiras também contam com vantagens. Por isso, escolha a bandeira que melhor atende o seu negócio. 

 8 – Banco ou instituição

O banco ou instituição financeira que emite o seu cartão de crédito também faz a diferença. Na hora de escolher, veja qual é a reputação daquela empresa em relação ao produto que você deseja contratar e converse sobre todas as características do seu cartão. Claro, leve em consideração o atendimento, como falamos acima. 

9 – Compatível com seu negócio

Para o seu cartão de crédito PJ ser ainda melhor, você pode escolher um que seja compatível com o seu negócio. Se você ou seus funcionários precisam viajar bastante, um cartão com vantagens para viagens faz todo sentido. 

10 – Programa de Pontos

Ponto é bom e todo mundo gosta. O programa de pontos do cartão te ajuda a aprimorar ainda mais os seus  gastos, podendo trocar esses pontos posteriormente por benefícios, produtos ou ofertas especiais. Tente escolher um cartão que possua uma pontuação alta. 

11 – Cartões adicionais

Além de você, também existem outros funcionários autorizados a usar o cartão de crédito para pessoa jurídica na sua empresa. Para isso, a melhor opção de cartão é aquela que oferece cartões adicionais. Procure por eles e, se possível, cartões que são emitidos sem custo algum ou sem anuidade adicional. 

12 – Seguros

A maioria dos cartões conta com algum tipo de seguro. Além do próprio seguro do cartão, procure por aqueles que oferecem outras proteções, como de compras indevidas, compra segura e até mesmo seguro predial contra incêndios, por exemplo. Alguns cartões chegam a oferecer até serviços para reparos, o que é uma boa opção para quem tem um negócio. 

13 – Benefícios em viagens

Precisa viajar muito pela empresa? Não precisa nem falar nada, né. Cartões de crédito que oferecem vantagens em viagens existem aos montes. Por isso, na hora de escolher, pegue um que tenha o máximo de benefícios pelo menor custo. Mas escolha de acordo com o seu negócio, não adianta ter benefícios que dificilmente você irá usar. 

14 – Segurança

Todo cartão de crédito precisa ter segurança. Pesquise sobre reputação dos cartões e escolha aqueles que são mais difíceis de se envolverem em fraudes. Geralmente, a instituição financeira conta bastante para esse tipo de escolha. 

15 – Internacional

Por fim, mas não menos importante, o seu cartão de crédito para pessoa jurídica precisa ser internacional. Hoje, com o mundo de compras pela internet, adquirir algo em sites estrangeiros virou rotina. Por isso, tenha um cartão que possa ser utilizado internacionalmente. Isso também ajudará muito em viagens.

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*Os comentários não representam a opinião do portal ou de seu editores! Ao publicar você está concordando com a Política de Privacidade.

4 Comentários
  • Esse artigo, certamente, ajudará na escolha de um cartão de crédito que atenda às especificidades da minha MEI! Obrigada

    • Sara Menezes
      em resposta à Liliane

      Oi Liliane, tudo bem?
      Acredito que o artigo “Cartão de crédito para autônomo: quais as melhores opções e como pedir” também possa te ajudar na escolha, pois traz informações importantes para o empreendedor individual.
      Acesse aqui: https://plusdin.com.br/news/cartao-credito-autonomo/
      Te desejo boa sorte! 💚

    • Sara Menezes
      em resposta à Levir Viana

      Qual é o cartão que você usa, Levir? Conta pra gente! 😀
      Continue acompanhando o nosso portal de notícias.
      Temos outras informações e dicas sobre Cartões de Crédito, Empréstimos, Contas Digitais, Empreendedorismo e muito mais.
      Acesse: https://plusdin.com.br/news/
      Boa sorte! 💚